Aves Curiosidades

A águia se renova? Saiba mais sobre essa lenda… será verdade?

A águia se renova?

Lendas são algo muito comum atualmente. Para muitas pessoas, a lenda que diz que a águia se renova é uma das mais significativas entre essas histórias tão ricas culturalmente. Em alguns casos, até mesmo pessoas que estudam a área ficam confusas com o número de relatos sobre essa ave incrível.

No entanto, em muitas regiões a lenda de que a águia se renova é bem mais significativa, sendo amplamente divulgada como um incrível fato da natureza, grande parte devido aos boatos sendo espalhados por caçadores dessas aves únicas.

A águia se renova?

Muitos animais possuem diversas lendas em torno de sua origem e ciclo de vida. No entanto, uma em específica bem chamando muita atenção entre biólogos e adestradores. De acordo com essa lenda, a águia se renova após uma certa idade. Mesmo assim, esse aspecto  varia um pouco, dependendo de como e de quem conta essa história. Contudo, a mais recorrente é 40 anos de existência da ave.

Apesar de apresentar diversos detalhes, essa lenda é falsa. No entanto, merece muito nossa atenção por ser uma história extremamente rica da cultura norte-americana. Assim, valendo a pena pelo menos conhecer essa lenda que envolve um animal único.

Origem

Atualmente, ninguém sabe ao certo a origem dessa lenda, mas, ao que tudo indica, essa história começou a ser divulgada por caçadores que, na época, viam as águias voando em direção as montanhas e não voltando. Assim, dando uma ótima abertura para contar uma lenda. Originalmente, essa lenda começou a ser comentada na América do Norte, em especial, nos Estados Unidos. Segundo especialistas, essa historia tomou força principalmente entre as primeiras famílias que ocuparam o país, normalmente vindos da Inglaterra.

Vale lembar que, geralmente, a imagem dos EUA é altamente associada a uma águia, principalmente por diversas culturas representarem esse animal como um símbolo de liberdade e renovação. Assim, referindo-se a criação do país que, desde sua colonização, entende esses dois significados como pilares da população norte-americana.

A águia se renova?

Como a águia se renova

Segunda a lenda, essa ave arrancaria suas próprias penas, bico e unhas. Assim, permitindo que ela vivesse por mais algumas décadas. Ao que tudo indica, essa ave ao chegar nos seus 40 anos já estaria com diversas partes do corpo desgastadas. Assim, precisando serem renovadas no após uma certa idade. De acordo com as pessoas que divulgam essa historia, a águia faria todo o processo nos alto das montanhas sem a ajuda de nenhuma outra ave. Assim, sendo um processo bem doloroso para o animal.

Ainda de acordo com história, todo esse processo impediria que ela caçasse por um longo período. Ou seja, ficando vulnerável durante toda a renovação e não conseguindo se alimentar. Nesse caso, a águia que se renova ficaria desnutrida e sem suas principais formas de defesa, por isso preferiria ir para montanhas altas, um lugar de difícil acesso para seres humanos que caçam frequentemente.

Contudo, diversos cientistas já comprovaram que grande parte desses detalhes são realmente mentira. Em especial, sobre o processo de automutilação que muitas pessoas afirmam ser verídico. Ao contrário do que elas pensam, o processo que a águia que se renova ocorre de forma natural como qualquer outro animal, simplesmente sendo reforçado longo da vida. Além disso, a deterioração é algo muito comum de acontecer, embora isso, em nenhuma situação normal, atrapalhe no seu processo de caça e de sobrevivência.

Porque a águia se renova

A águia é um dos animais mais fortes da  nature. No entanto, ao chegar aos 40 anos muitas pessoas acreditam que a deterioração nas suas assas e garras a impediria de conseguir sua alimentação básica através da caça. Segundo as primeiras versões dessa lenda, a águia que se renova precisaria de uma imensa dedicação e resistência física para concluir todo o processo. Assim, sendo necessário arrancar partes como unhas, bico e penas.

De acordo com a lenda, suas penas seriam o principal obstaculo na vida da ave ao chegar nos 40 anos, principalmente por ficarem pesadas até mesmo para voos simples. Mesmo assim, a lenda cita por diversas vezes que a ave teria que alcançar altas altitudes para chegar na montanha. Assim, sendo um claro erro nessa história.

Além disso, a lenda aponta que seu bico e unhas seriam arrancados pela própria águia na renovação. Ou seja, praticando o processo de automutilação para que conseguisse viver por mais alguns anos – provavelmente mais 30 anos, até alcançar a expectativa de vida das aves de rapina.

Apesar disso, nenhuma versão dessa lenda explica com clareza como essa ave sairia desse local em segurança após os 150. Vale lembrar, principalmente após esse período, essa ave estaria totalmente cansada e ferida devido o vasto processo. Assim, dando a entender que seria uma cura milagrosa que permitiria a águia de voar e caçar imediatamente.

A águia se renova?

Milagre

Mesmo não tendo uma origem certa, muitas culturas acreditam que o processo de renovação da águia é um grande acontecimento, sendo visto como algo milagroso. Para muitas pessoas, esse processo séria principalmente pelo final da lenda, mas especificamente, quando a trajetória de renovação está concluída. De acordo com a história, essa ave voaria melhor do que nunca, permitindo ela alcançar velocidades superiores a 100 km por hora e abater prezas de alto porte. Assim, dando a entender que ela apresentaria um condicionamento físico melhor do que outras aves.

Considerações finais

Em sumo, podemos concluir que essa lenda é completamente falsa, principalmente por apresentar diversos erros técnicos. Assim, realmente sendo caracterizado apenas como mais uma história que, provavelmente, era contada por muitos caçadores da norte americanos, mas especificamente os que tinham foco na aquisição de partes do corpo dessas aves para venda ou de enfeite em suas casas.

Vale lembrar que, mesmo assim, a águia se renova. No entanto, esse processo é bem diferente do mencionado na lenda. Em sua forma original, a águia apenas séria renovada de forma natural, mesmo que passasse por um processo desgaste ao longo do tempo. Ou seja, seu próprio corpo seria responsável por fortalecer o bico, mudar as unhas e renovar as penas. Assim, sendo algo completamente sem dor e muito parecido com os outros animais.

Faça um Comentário