Cachorro Curiosidades

Ciclo de vida dos cachorros: veja como funciona

Assim como os seres humanos, todos os animais apresentam diversas fases de evolução. Ou seja, eles também vivenciam períodos desde o nascimento até a morte. A partir disso, resolvemos trazer a você uma análise sobre o ciclo de vida dos cachorros.

Afinal, é importante saber que fases são essas e como podemos aprender mais para conhecer melhor nosso melhor amigo. Até por que quanto mais informação, melhor a qualidade de vida que poderemos proporcionar a ele.

Dicas para prolongar o ciclo de vida dos cachorros

Antes de se preocupar em fazer os cálculos do tempo de vida do seu querido pet, nossa melhor dica você cuidar dele o tempo todo. Afinal, se você sonha em ter um cachorro ou já tem esse companheiro em casa, com certeza quer ele por perto (e saudável) o máximo possível.

Então, as raças apresentem diferentes expectativas médias, existem animais que podem chegar a quinze e até vinte anos. Contudo, é possível prolongar cada ciclo de vida dos cachorros uns anos a mais, seguindo cuidados e regras básicas no dia-a-dia.

Para isso, além de todo carinho e amor, confira abaixo uma pequena e simples lista com nossas dicas para você poder curtir todo o ciclo de vida dos cachorros por muito mais tempo.

  • Faça sempre acompanhamentos médicos com um bom veterinário;
  • Programe uma rotina de atividades físicas;
  • Tenha sempre cuidado e segurança nos passeios ao ar livre;
  • Evite momentos de estresse e muita ansiedade;
  • Apenas sirva seu pet com produtos e alimentos de qualidade;
  • Controle regularmente seu peso ideal;
  • Mantenha sempre higienizados os dentes e a boca.

Como calcular a idade do seu pet

Agora, antes de mais nada, pode esquecer aquela regra de multiplicar a idade por sete. Afinal, o correto é começar a definir a idade a partir do seu porte. Sendo assim, podemos classificar seus tamanhos em:

  1. Pequenos ou filhotes: até dez kg;
  2. Médios: entre onze kg e vinte kg;
  3. Grandes: entre vinte e um kg e quarenta kg;
  4. Gigantes: acima de quarenta e um kg.

A partir disso, fica mais fácil chegar a um número aproximável sobre a idade de um cão. Todavia, não se esqueça de existem inúmeras exceções. Até por que, na média geral, uma lista de cálculos diretos ficaria mais ou menos assim:

  1. Vinte anos, para cachorros pequenos;
  2. Quatorze anos, para os médios;
  3. Doze anos, para os grandes;
  4. Cerca de dez anos, para os gigantes.

Ciclo de vida dos cachorros

O ciclo de vida dos cachorros

É fato que muitos animais amadurecem mais rapidamente que a gente. Entretanto, para curtir e cuidar mais do seu pet, é preciso conhecer cada ciclo de vida dos cachorros.

A fase neonatal canina

O primeiro ciclo de vida dos cachorros, assim que nascem os bebês, é a fase chamada neonatal. Aqui, eles ainda são tão frágeis que nem abriram os olhos bem como dependem da presença e carinho maternos.

Entretanto, além da mãe, você também pode ajudar nos cuidados observando tudo que acontece com a ninhada. Aliás, nessa fase seu pet pode ser feliz apenas com o cheiro da mãe, embora precise de uma mãozinha para quase tudo.

Até por que os pequenos não se locomovem bem, precisando de uma certa estimulação física na hora das necessidades. Assim, é bom você ficar de olho se todos conseguem mamar e a mãe anda cuidando de todos.

O filhote no ciclo de vida dos cachorros

Outro fato sobre o ciclo de vida dos cachorros é que filhotes passam por diversas fases. Embora elas sejam rápidas, é possível percebê-las. Assim, temos a primeira fase de transição dos filhotes.

Esse período costuma ocorrer entre os dias treze e vinte. A partir de então, eles começam a abrir os olhos, a se locomover bem melhor e ainda começam a vivenciar e a escutar o mundo.

Ao passo que, entre os dias vinte e cinquenta, eles aprendem a se socializar com demais cachorros. Ou seja, é uma fase importante para manter o filhote com sua mãe e a ninhada. Afinal, eles estão aprendendo a como devem reagir às semelhanças.

Neste período, a mãe ainda ensina higiene para garantir o bem-estar, como são as brincadeiras e aprendem a morder sem prejudicar os irmãos. Por fim, na última fase desse ciclo de vida dos cachorros, cada filhote tem entre sete e doze semanas de vida.

Talvez uma das fases mais importantes do ciclo, aqui aprendem a socialização com nós, brincando e se acostumando com nosso modo de vida. Aliás, é sadio para ele ver outros animais, barulhos, carros e demais pessoas.

A terrível adolescência dos cães

Aos quatro meses, seu pet começa a entrar na fase da adolescência. Ou seja, ele começa a morder mais forte, a desafiar seu dono e até apresentar comportamentos difíceis. Entretanto, é tudo normal, assim como nos humanos quando os hormônios costumam enlouquecer a garotada.

Um ponto importante deste ciclo de vida dos cachorros é o começo dos adestramentos para ganhar sua confiança. Até por que eles são muito inteligentes, embora a aprendizagem varia de raça para raça.

Ciclo de vida dos cachorros

A fase adulta no ciclo de vida dos cachorros

Nesta fase, entre um e três anos idade, os cachorros atingem a maturidade total, inclusive a sexual. Mesmo que há variação entre raças, quanto menor seu pet mais rápido ele atingirá sua maturidade frente a animais maiores.

Neste momento, ele vai consolidar a sua personalidade. Dessa forma, pode haver até uma mudança brusca, na qual filhotes irreverentes podem ficar adultos mais ressabiados com novidades e pessoas estranhas.

Para evitar isso, procure fazer ele gastar toda a energia e se divertir. Enfim, jamais pense ache que seu pet está triste, pois ele pode estar apenas mais amadurecido.

Quando a idade chega

A partir de sete anos de vida, começa a chegar a velhice. Ou seja, a fase requer muitos cuidados e atenção. Assim, se o pet está velhinho, é normal que ele recuse algumas brincadeiras.

Entretanto, você nem precisa parar com os passeios ou brincadeiras leves. Além do mais, nesta fase do ciclo de vida dos cachorros, é vital que você faça consultas médicas mais regulares.

Faça um Comentário